domingo, 23 de janeiro de 2011

Posse do senador Paulo Davim acontecerá dia 3


Marcada para o dia 3 de fevereiro a posse do senador Paulo Davim (PV). Primeiro suplente do eleito Garibaldi Alves Filho, ele assumirá a vaga, o político do PV assumirá a vaga já que o titular foi nomeado para Ministro da Previdência.

Paulo Davim será o único senador do PV nessa nova composição do Congresso Nacional.

Por Ana Ruth Dantas

Transporte escolar, só regularizado


O início das aulas está próximo e entre as diversas preocupações dos pais, envolvendo a vida escolar dos filhos, está o transporte. A opção de muitos que não têm tempo de deixar e buscar os estudantes nos colégios acaba sendo o transporte escolar pago. Para que tudo ocorra bem e não haja dor de cabeça com a escolha, é bom dar atenção às dicas dadas pelo secretário da Cooperativa dos Proprietários de Transporte Escolar de Natal (Coopten), Carlos Henrique da Câmara Dantas.

Carlos Henrique Dantas alerta para a necessidade de verificar se o veículo e o motorista estão em dia com as licenças Foto: Fábio Cortez/DN/D.A Press
Segundo ele, quando o pai opta pelo transporte escolar o primeiro passo é contratar o serviço de um profissional sério e devidamente regularizado. "Eles podem procurar a cooperativa pelo site ou por telefone, escolher o transporte e o condutor desejados e marcar de conhecê-los", disse. O secretário acha importante esse encontro entre os pais e os condutores porque, além do motorista conhecer melhor onde vai buscar a criança, os pais podem tirar as dúvidas e fazer a verificação da qualidade do serviço.

Carlos Henrique Dantas alerta para a necessidade de verificar se o veículo e o condutor estão em dia com as licenças. "Os pais devem exigir o alvará de tráfego; verificar se a carteira emitida pela Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) diz que o motorista está apto a conduzir aquele tipo de veículo; e averiguar, no para-brisa dianteiro, se o transporte possui o selo de vistoria em dia, antes de fechar o contrato", avisou.

O serviço de transporte escolar custa em média R$ 180, sendo ida e volta, ou R$ 120, só ida ou volta, dependendo da localidade da residência e da escola. Questionado sobre os cuidados que os motoristas devem ter quando transportam os estudantes, o secretário da Coopten afirmou que, primeiro, eles param na vaga reservada ao veículo, dentro da escola. "Dentro do carro, nós orientamos os alunos a usarem o cinto de segurança", acrescentou. Para uma direção segura no trânsito, ele indicou que os profissionais fazem um curso obrigatório, a cada cinco anos, para poderem renovar a habilitação.

Serviço
Cooperativa dos Proprietários de Transporte Escolar de Natal (Coopten)

Telefone: 3201-0032

www.coopten.com.br

“A ZN tem um enorme potencial de consumo”


ando Bezerra é um dos sócios do Norte Shopping e participa diretamente da administração do empreendimento. De acordo com ele, a zona norte de Natal – região que conta hoje com mais de 363 mil habitantes – tem um enorme potencial de consumo e fez com que o volume de vendas no shopping crescesse 40% ao longo de 2010, em comparação com o ano anterior. O estabelecimento foi o primeiro shopping da zona norte de Natal, aberto em novembro de 2007, com o investimento inicial de R$ 50 milhões,e nesta entrevista Bezerra deixa claro que considera estar no lugar certo, no período mais indicado, com todas as chances de registrar um crescimento considerável ao longo dos próximos anos. “Não dá para abrir uma loja com marcas de grife, mas com produtos de boa qualidade por um preço acessível, certamente se reverterá em lucro para quem investir”, avalia.

Professores realizam pesquisa inédita no RN


Um grupo de 30 técnicos e professores da Secretaria Municipal de Educação está realizando uma análise social em 15 bairros e no litoral para identificar os principais problemas da comunidade com objetivo de reestruturar o currículo escolar. O projeto “Interdisciplinaridade como Tema Gerador”, pioneiro no Rio Grande do Norte, engloba os bairros onde estão instaladas as escolas de 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental.

Os envolvidos no projeto conhecem a história do bairro, fazem um levantamento sócio-econômico da população e avaliam o índice de aprendizagem dos alunos. De posse desses dados eles partem para as entrevistas que tem como principal objetivo descobrir as deficiências e/ou problemas da localidade.

A ideia é trabalhar as problemáticas encontradas nos bairros em sala de aula durante o ano letivo. De acordo com Tereza Cristina Félix de Andrade, técnica pedagógica da SMEC, as disciplinas serão usadas como ferramentas para explorar as deficiências identificadas pelo grupo. “As disciplinas serão exploradas dentro do contexto do bairro”, explica.

Tereza, por exemplo, está analisando o bairro Vale do Sol onde fica a Escola Municipal Hélio Galvão. Após três visitas ao local, a técnica já pode perceber que a gestão da instituição de ensino é articulada com professores e comunidade, entretanto a população ainda precisa se integrar mais à escola.

Outro diferencial do projeto é a criação de um portal interativo que está sendo construído pela equipe do Proinfo da SMEC. Nessa página na internet, os representantes das escolas vão poder acessar as pesquisas e projetos elaborados por outras instituições de ensino, além de expor o que a própria escola está promovendo.

Encontro

Na próxima semana (25 a 28 de janeiro) os 30 envolvidos no projeto vão repassar tudo que foi coletado para os 297 professores do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental, durante encontro no auditório da Escola Municipal Augusto Severo, no Centro. A intenção é que os professores participem da Semana Pedagógica, que vai ocorrer de 7 a 11 de fevereiro, já com um diagnóstico desses bairros para que promovam a interdisciplinaridade em sala de aula.

Em seguida, os professores se reúnem nas escolas analisadas com a comunidade escolar para discutir o que foi pesquisado. O projeto é coordenado pela professora doutora em Educação, Marta Pernambuco, integrante do Grupo de Estudos de Práticas Educativas em Movimento (Gepem) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Bairros pesquisados

Nova Parnamirim, Parque Industrial, Emaús, Centro, Santos Reis, Vale do Sol, Nova Esperança, Bela Parnamirim, Liberdade, Rosa dos Ventos, Passagem de Areia, Parque de Exposições 2, Monte Castelo, Cohabinal, Santa Tereza e o Litoral (Pium, Cotovelo e Pirangi do Norte). 

Fonte: TRIBUNA

Home with right posts

?max-results="+numposts3+"&orderby=published&alt=json-in-script&callback=showrecentposts3\"><\/script>");

Home with right posts 2

Slider right list post